em

A melhor amiga da minha esposa!

Olá, meu nome é Luiz, tenho 42 anos, sou casado à 12 anos com Kátia, 37 anos, uma loira linda de olhos azuis, somos um casal muito feliz. Moramos em uma cidade do interior de São Paulo.

Estava passando por um momento difícil de desemprego e estava fazendo uns bicos de pintura residencial. Temos um casal de amigos muito bem sucedidos, são muito próximos de nós, Sara e Marcos, e me chamaram para fazer um orçamento da reforma da casa, fechamos negócio e comecei os trabalhos.

Eles estavam casados a 10 anos e todo esse tempo acompanhamos a trajetória deles em ter filhos, as visitas aos médicos, tratamentos, mas nada ajudava. Sara relatava a minha esposa sua preocupação, pois já havia completado 40 anos. Então, no período que comecei a reforma da pintura da casa deles, havia começado o período fértil de Sara, ela havia comentado com minha esposa, assim faziam sexo todas as noites para conseguir. No segundo dia de trabalho, cheguei na casa deles e entrei, pois me deram a cópia das chaves, Marcos saia cedo para o serviço, e ao passar pelo corredor a porta do quarto deles estava um pouco aberta e passando vi Sara deitada dormindo, mas fiquei de boca aberta, ela estava completamente nua. Eu sempre reparei nas curvas dela, pois ela sempre veste calças de lycra, marcando sua bela bunda redonda e um capô de fusca avantajado, seus seios são pequenos visto com blusas ou camisetas, mas dava para perceber que eram durinhos e com os bicos lindos pontudos. Sara era morena, com cabelos encaracolados. Fiquei uns 10 minutos apreciando Sara dormindo, até que ela se mexeu e foi acordando, eu imediatamente fui para o outro quarto trabalhar. Mas a visão dela nua não saia da minha cabeça.

Uns 20 minutos depois ela apareceu no quarto, nossa!!! Estava somente com um camisetão, ela me cumprimentou e disse que iria fazer um café, me disse que não era para reparar o jeito que ela estava, pois éramos amigos a anos, então poderia ficar a vontade na minha frente, uns 15 minutos depois ela me chamou até a cozinha, me sentei e ela foi colocando a mesa. Quando ela foi pegar um pacote de bolachas na parte de cima do armário, ao se esticar o camisetão subiu, nossa! Sua bunda ficou inteira de fora, mostrando somente uma minúscula calcinha fio dental preta por baixo. Meu pinto já estava estralando por baixo da bermuda. Tomamos café e fui continuar o serviço, e ela passou a manhã inteira daquele jeito e todo momento vinha no quarto puxar conversa comigo. Ela sempre saia as 12:30 para trabalhar, pois trabalhava em um escritório somente no período da tarde.

No outro dia cheguei novamente e novamente passando no corredor vi a porta aberta e lógico que fui espiar e lá estava ela, totalmente nua deitada. Ao se mexer um pouco ela abriu as pernas e quase caí de costas, que buceta linda depilada. Ao perceber que ela iria acordar, corri novamente para o quarto ao lado. Quando ela se levantou e foi me cumprimentar, senti ela diferente, e estava agora com uma regata que deveria ser do Marcos, e parte de seus seios estavam aparecendo nas laterais. Quando me chamou para tomar café, me sentei e ela de um lado para o outro na cozinha, ela momento algum se importava e abaixava, deixando aparecer seus seios, era pura provocação na minha frente. Ela se sentou e começamos a conversar, e puxou o assunto das tentativas dela e do Marcos. Falei que minha esposa comentava, no momento notei Sara um pouco triste, disse que já havia feito de tudo que os médicos falaram, mas nada. Começou a dar risada quando me disse que após o sexo até de ponta cabeça na cama ficou por várias vezes, porque haviam dito que era bom e dava certo… kkkkkkkkkkkk.

Mas me espantei quando me disse que até havia pensado em transar com outro homem para engravidar, mas disse que não tinha coragem e também tinha medo de ser qualquer um. Falei para ela ficar calma, que tudo tinha seu tempo. Até que ela se levantou e me disse que me viu olhando para ela deitada nua nesses dois dias, que estava fingindo dormir. Fiquei sem cor e sem palavras no momento, mas ela disse que havia até gostado e para minha surpresa me disse…. De você eu teria coragem de fazer sexo para tentar engravidar.

Fiquei assustado com Sara, mas ela se aproximou e na minha frente foi tirando a regata e ficou na minha frente somente com uma minúscula calcinha branca, aqueles seios pequenos durinhos na minha cara, aí não foi amizade que resistisse, me levantei e puxei Sara, comecei a beijá-la. Ela foi colocando sua mão dentro da minha bermuda agarrando meu pinto e apertando, o tesão foi tomando conta dos dois e ela me levou para seu quarto, deitei ela na cama e fui tirando sua calcinha, aquela buceta deliciosa na minha frente, nossa, cai de boca. Sara gemia muito quando chupava sua buceta, tirei minha roupa e ela se aproximou a foi chupando meu pinto, que delícia, até que ela abriu bem suas pernas e pediu para foder sua buceta. Que tesão fuder a melhor amiga da minha esposa, mas quando ela ficou de quatro na cama e arrebitou aquela bunda maravilhosa, fiquei louco, fui penetrando sua buceta e percebia seu cuzinho piscar, assim fiu lambuzando e enfiando o dedo em seu rabinho. Ela dava pequenos gritos baixinhos, me dizendo que Marcos nunca havia feito isso, que era uma delícia. Quando fui gozar fora ela me segurou pedindo para não tirar, então enchi a buceta de Sara de porra. Passamos aquela manhã fudendo e gozamos juntos várias vezes. 

Ela tomou um banho e foi trabalhar, eu fiquei ali e continuei o serviço, mas não acreditava que havia feito sexo com Sara, a melhor amiga de minha esposa.

No outro dia ao chegar, quando passava pelo corredor escutei me chamar no quarto da Sara, ao entrar fiquei de boca aberta, ela estava com uma fantasia de diabinha muito sexy, dizendo que estava me esperando. Já fui pra cima dela, e novamente caímos na tentação, que delícia fuder aquela mulher, nesse dia Sara nem foi trabalhar e fudemos o dia todo, e continuamos a fuder todos os dias, Sara se mostrou uma mulher diferente de tudo que eu havia visto. Marcos fudia Sara a noite e eu durante o dia.

Depois de uns meses ela fez o teste de gravidez e deu positivo, sua alegria era tremenda, minha esposa também havia ficado feliz, mas Sara me disse que sabia que o filho era meu e não do Marcos, mas que sempre seria um segredo nosso.

Fiquei seis meses reformando a casa deles, e nesse período Sara e eu fudía-mos todos os dias, até mesmo com sua barriga já crescendo pela gravidez. Acompanhamos todo o processo até o nascimento do bebê e hoje somos padrinhos dele. E o menino é 90% parecido comigo.

Mas até hoje Sara e eu damos um jeito de fuder, pois, nossa ligação ficou muito grande com esse bebê, pois ela sempre fala que eu ajudei ela a realizar esse sonho. Fora que o sexo com ela é excelente…

Por: altasaventuras

Esta postagem foi criada com nosso formulário de envio fácil. Crie seu post!

Relatório

O que você acha?

Escrito por BernardoLingam

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A Chamada de Socorro.

7

Alessandra Negrine pelada